Seinen: Death Note


Gênero: Seinen e drama

Estúdio: Madhouse

Autor: Tsugumi Ohba

Direção: Tetsurō Araki

Ano de Exibição: 2006

Episódios: 37

Sinopse: Sem nada de interessante para fazer no Mundo dos Shinigamis, o Deus da Morte Ryuk deixa cair intencionalmente na Terra o seu Death Note. O caderno possui poderes macabros: a pessoa que tem seu nome escrito nele, morre! O Death Note acaba indo parar na mão de Light Yagami. Aluno exemplar, porém entediado, ao descobrir os sinistros poderes do caderno negro, decide virar um justiceiro e varrer a criminalidade da face da Terra. As seguidas mortes de criminosos em vários países diferentes acabam chamando a atenção da Interpol, que, por sua vez, pede ajuda ao maior detetive do mundo, conhecido apenas por ¿L¿, para resolver o caso. Inicia-se assim um frenético jogo de gato e rato entre Light e seu perseguidor implacável, enquanto Ryuk diverte-se com os acontecimentos que se desenrolam em decorrência do uso do Death Note.


Comentários: Foi um dos primeiros animes que assisti. Surpreendi-me pela qualidade de enredo que é bem mais complexa do que animes “Shounen” que vemos por aí. Assim como mais maduro, mesmo não tendo nada que seja para maiores de 18 anos, presumo.


Passei muita raiva assistindo e ao mesmo tempo não consegui parar até ter acabado. Teve muitos momentos que ficava em dúvida para quem torcer. Achava, de certa forma, plausível a sede distorcida de Raito (Light), mas não concordava 100 %. Sabia quem era meu preferido, mas os meios que os dois usavam nem sempre era o mais moralista.


No fim, foi anime que gostei, e é sempre um dos que os que caíram de paraquedas sempre acabam tendo indicações.


Nota: 8,0


“Achamos que a vingança é a justiça que pode ser feita pelas nossas próprias mãos.Acreditamos que somos deuses dos nossos mundos e quanto maiores somos, mais nos machucamos na queda.”

R.W.


Destaques

Posts Recentes

Arquivos

Tags

Siga a gente

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon