As pessoas estão morrendo, por motivos pequenos.


As pessoas estão morrendo, por motivos pequenos. Isso é um título um tanto estranho e ofensivo, pois , logicamente se algo te fez cometer suicídio não é algo pequeno. Milhões de pessoas estão ao nosso redor, mas somos incapaz de virar para o lado e perguntar. - Você esta bem?

É uma pergunta tão simples, mas que muitos usam somente como forma de cortesia, no sentido: oi, como vai , você esta bem? Nossa, vejo muito isso nas minhas redes sociais, e até eu mesmo falo isso, principalmente quando não conheço a pessoa. Esta frase para mim se transformou em um daqueles textos prontos que qualquer pessoa pode usar, mas sem expressar o seu verdadeiro significado. Pois no fundo sabemos que mais da metade das pessoas que perguntam isso, não querem saber a verdade, sendo ela boa ou ela ruim.

Sei que não estou no setembro amarelo, e que falar de assuntos tão polêmicos aqui no blog pode deixar o blog um tanto mal visto, mas é porque as coisas que acontecem ao meu redor estão me sufocando ao ponto de ter que comentar sobre isso. Sei muito bem que pessoas vão ignorar este post, que outras pessoas vão chegar nesse post ou somente ler o titulo e vão lá nos comentários sem ao menos ler e comentar nossa que triste!! Ou nossa verdade!!

Isso sim é triste! Ver que muitos já estão acostumadas com a morte das pessoas ao nosso redor, isso é sim triste.

Ver que os estado politico das pessoas podem classificar elas como mais, ou menos humanas que outras, e ver que independente do seu dinheiro, ou do que você tem ou deixa de ter poder, ainda sim, matar pessoas.

Vou dar alguns exemplos, pois algumas coisas aconteceram perto de mim, ao ponto de me pegar emocionalmente e me entristecerem por ver que eu não fiz o suficiente. Que eu não consegui salvar uma vida ao meu redor por ter simplesmente ficado calado. Isso é muito, muito triste.

Eu estava em um aplicativo de relacionamento, que por algum motivo mais parecia uma rede social, não vou dar credito ao aplicativo, então não vou dizer o nome dele. E nesse mesmo aplicativo, estava falando com algumas pessoas que tinha dado compatibilidade e conversa vai e conversa vem e um garoto que não vou mencionar o nome dele, pediu para dar motivos para ele não cometer suicídio. E como sou uma criatura meio afobada, tentei falar com ele e ver o porque ele estava tentando cometer suicídio, o que tinha levado ele aquilo. E claro que também tentei convence-lo que aquilo não era o melhor caminho. E tentei perguntar se a família dele sabe disso e etc... E sabe o que ele me disse, ele me disse isso:

- Sabe, Sou gay tenho muito amigos mas só três deles sabem quem sou de verdade, por muito tempo isso me mantive na calma, pois eu poderia ser como eu era, mesmo por um curto período de tempo, então uma das coisas que me deixam tristes foi que minha família descobriu, e tudo foi de mal a pior, quando eu estava na escola não via motivos para me revelar ate mesmo por que muitas pessoas falavam mal sobre os gays e ate tentavam agreções com eles. Então me mantive firme até agora, estou cursando o ultimo ano do ensino médio, e estou feliz por está quase acabando, mas quando percebi que minha família tinha descoberto, logo minha mãe veio tirar satisfação comigo e isso também só piorou tudo. Me vi encurralado onde a verdade da minha mãe me agredia, e minha verdade me sufocava. foi quando escutei algumas frases da minha mãe que me deixaram em choque ate agora.

Perguntei a ele o que era. Ele fez uma vídeo chamada. Logo vi seu rosto que no aplicativo estava oculto (Sem foto) e ele tinha cabelo negros, olhos verdes tão vibrantes e tão entristecidos, e uma pele branquinha como a ceda perolada que estava em minha fronha. Na minha cabeça não teria porque um rapaz bonito como ele passar por este tipo de coisas, ele parecia um modelo, mas mesmo surpreso me mantive com calma para não espantar ele e perguntei o que a mãe dele havia dito a ele.


Ela disse coisas que a minha mãe de verdade não diria mesmo com um estado alterado ela não diria, sabe aquilo não era minha mãe, foi também a primeira vez que a mãe dele tinha olhado para a cara dele com nojo. - um filho gay preferia um marginal aqui do que um filho gay. Não consegui entender eu sempre fui um aluno bom uma pessoa que sabia dar amor as outras pessoas mas mesmo assim minha mãe, a mulher que eu me orgulhava de ter me colocando no mundo. Foi a mesma mulher que deu uma grande facada no meu peito, no peito do próprio filho que a pouco ela disse que amava. Sabe aquilo tinha me deixado com um ferimento que ate hoje doía, era como se a ferida não quisesse curar.

Falei para ele que tinha passado por algo semelhante, e que de fato algumas feridas simplesmente não se curam, pois não são feridas no corpo, mas,sim, feridas feita em nossa alma.

Ele logo prosseguiu,

Sabe outra coisa que me aconteceu, não bastava minha mãe ter me ferido, logo veio o meu pai e me falou coisas que me fizeram me manter acordado pensado a noite dota. Ele falou para mim que eu havia morrido para ele e que preferia me ver dentro de um caixão agora sendo enterrado do que olhar para a cara imunda de um viado como ele.

Ele não segurou suas lagrimas e logo deixou elas deslizarem sobre sua bochecha e em seguida caírem no celular que ele rapidamente tentou limpar para não atrapalha a visão da câmera. E não sendo de ferro e nem de aço. Minhas lagrimas quentes também escorreram em meu rosto.

Logo em seguida ele desligou a ligação e tentei ligar novamente para ele, mas a unica coisas que ele me respondeu por mensagem foi :

Tchau, obrigado por escutar.

E logo em seguida desativou sua conta no aplicativo. O que me deixou bem preocupado pois ele era de outra região então acabaria não sabendo o que aconteceu de fato com ele, se ele teve coragem de se matar ou se ele conseguiu criar forças para continuar vivendo a vida. Mas cara olha que triste, isso, ver que chegamos ao ponto de sofrermos preconceito com nos mesmo isso e fim, como eu disse não sei o que chegou a acontecer com ele. Mas logicamente se ele teve coragem de conversar isso com um completo estranho ele não estava conversando de brincadeira ou simplesmente tentando enganar alguém, principalmente um completo estranho.

Fico extremamente mal de esta fazer este post, pois como eu já disse em algumas postagem aqui do blog eu já passei por isso uma três vezes, tanto sobre minha sexualidade, da forma que eu me via, e também sobre minha religião que até hoje não e aceita dentro da minha casa.

São coisas que temos que engolir, e olha que engolimos muito durante um grande período da nossas vidas. e quando pensamos que somos fortes vem sempre um que nos desestabiliza, e que nos faz ficar para baixo. Vejo pessoas fazendo palestras sobre coisas tão fúteis e depois desta experiencia que passei vejo o quanto estamos despreparados para algo do tipo. O quanto estamos vivendo em um mundo que esta vendo somente o seu ponto de vista como verdade, coisa que quando esse tipo de coisa acontece, deveriam olhar a historia como um todo, pois se formos escutar somente a versão da chapeuzinho vermelho o lobo mal sempre vai ser mal, coisa que no fundo ele poderia ser apenas um simples lobo.


Então como eu já estava sem sono fui ver alguns videos de alguns influenciadores da internet e vi que alguma passaram por isso ate a Pablo Vittar fez um clip sobre isso.

E claro como já me estendi demais, deixei alguns videos para vocês verem o quão absurdo pode ser o preconceito. E o quanto o qual absurdo podo ser o motivo da morte de uma pessoa.


O vídeo acima mostra a Drag Queen Lorelay fox falando sobre algo parecido com o que relatei só que diferente do meu caso ela teve a confirmação sobre a morte do garoto.

Acima temos Mandy, falando sobre as experiencias dela com o quase suicídio, que ela o que levou ela a quase cometer este ato e o que fez com que ela repensa-se suas condições atuais para não comenter esta barbaridade.

Logo acima temos a historia do garoto que cometeu suicídio por ser gay. Mas antes de se matar ele gravou em seu Facebook e em seu canal do Youtube os motivos que levaram ele a cometer sua morte.

Bem meus anjos e isso. Espero que tenham gostado do post. Claro um tanto quanto polemico, mas foi de coração e creio que de certa forma alguém vai ver isso e vai compartilhar, e assim como eu sei que Muitos de vocês vão fazer o mesmo. E poderemos conscientizar a maioria das pessoas.

Até o próximo post.

- Não devemos olhar somente nossa luz, pois dela muitas pessoas já amam, são nossos talentos, dons e simpatia, mas deveremos, sim, trabalhar nossa escuridão, pois sem ela a luz é quase impossível de ser vista e sem a luz a escuridão não existirá e conseqüentemente você também não existirá.. -- Mesmero H.L. Anjens



Destaques

Posts Recentes

Arquivos

Tags

Siga a gente

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon