Love Sick, The serie. Episodio 01 e 02


Olá bem vindo a mais um post, hoje venho com a resenha dos episódios 01 e 02 de love sick, mas eu me vejo em uma grande enrascada pós o episodio 01 não existe direito já que nada mais e do que uma festa. então esse episodio pode conter spoilers do episodio 01 e 02. então assista por favor o episodio antes de ler a resenha do episodio para detalhes e discussões, ou por que simplesmente gosta. Assim espero kkk ^^

Nossa serie começa com algumas meninas chegando a tão festa demorada, de aniversario da Aim a namorada de Phun (Sim bitte 01 kkk cara eu nunca vi tanta bite junta na minha vida kkk, serio ta tenso essa vida. ) por mais que a serie seja bem movimentada, essa festa para mim foi quase interminável sei que só são alguns minutos, mas achei ela sem conteúdo, e atrasando ótimos momento de shipp se comunicar, e etc...

E logo no começo ja temos algumas tretas coisa que e mais emocionante que não comentemos, pois isso as pessoas de casa assistirem e conseguiram ver o que acontece como a traição e também alguns barracos, que chega a deixar qualquer um de cabelo empe, kkk, e logo em seguida algumas classificações das pessoas com melhores condições financeiras para aquelas com pouco a ter. vemos isso nitidamente, (serio gente isso me tira do serio, não gosto deste tipo de classificação. Na verdade odeio.) logo em seguida vemos os primeiro olhares de um que vai ser uma dos nossos queridos shipps ><

Eu não ia falar nada mais acho melhor falar por agora mesmo, cara eu percebi que todos dessa escola são todos meio que Bissexuais, tanto pela a aceitação de quase 100% das pessoas incluindo professores, fiquei me perguntando se na Tailândia as leis são mas rigorosas e creio eu que sim.

É cara e não consegui deixar de repara, crio eu que assim como muito gente que acompanha a serie que as mulheres da Tailândia estão se mostrando muito ativas, e fazendo com que os garotos ficassem de certa forma constrangidos e assim acabam ficando com a pessoinha somente por que não quer desapensa-la, esse e o casso do nosso querido "Noh", um rapas que acaba aceitando um pessoas (que felizmente eu não consider uma bitch ) para ser seu namorado em questão, pós creio eu que assim como muitos casos algumas pessoas acabam se acomodando nesse tipo de relacionamento e assim levando isso adiante, eu creio que através da acomodação a pessoa seja capaz sim de ter muitas paixonites pela a pessoas que acabou pedindo ela em relacionamento. e isso acaba sendo muito normal na Tailândia, mesmo que algumas "culturas orientais" tenham sumido essa se mostrou muito peculiar aos meus olhos, e me deixou curioso, se essas pessoas não futuro próximo ou logo se algum dos lados acabou traindo ao ia acabar traído e assim essa paixonite acaba-se.

Mas crio que realmente era um casamento e literalmente para sempre, então isso só me deixa com mais pulga atras da orelha. Bem, isso e uma coisa que provavelmente ao logo dos episódios isso se resolva.

  1. E Claro devemos também discutir em relação as pessoas que se sentem no direito de pegar o celular das outras para atender o telefone, gente acho isso completamente ridículo, claro estamos falando da cultura brasileira não sabemos se la e assim, (exclusive se tiver alguém que já foi la e poder falar para mim se la e realmente assim agradeceria muito) e cara eu fico put* com isso da pessoa atender sem permissão e ainda falar que e a namorada da tal pessoas. para mim celular e uma coisa muito pessoal.

  2. O segundo gente as coisas ficam cada vezes mais doidas e extremamente sufocante.

E isso já considera o Drama como uma coisas boa para se acompanhar.

Destaques

Posts Recentes

Arquivos

Tags

Siga a gente

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon