INDICAÇÃO: Hemlock Grove


Gênero: Suspense, mistério, drama

Três Temporadas.

Status: Cancelada



Olá, pessoinhas. Com foi a semana? Divertida? Essa semana eu trago uma indicação de série, e para que fiquem informados que esse tipo de conteúdo apenas acontece na 3ª semana do mês ou na última mesmo; A indicação pode ser qualquer coisa: fanfic, livro, original... O que estivermos viciados no momento.




O que falarmos de Hemlock Grove? Comecei a assistir essa série há quatro dias e já estou quase terminando a primeira temporada. Já tem um tempo que vejo essa série estampada na minha cara várias vezes quando entrava na Netflix, mesmo que batesse a curiosidade aquela capa é bem broxante. Nem mostra a verdadeira beleza dele. Enfim, só assisti porque o H.L. Anjens indicou por causa do conteúdo envolvendo seres sobrenaturais como lobos, bruxas... Coisas do tipo.


Com uma abertura bem trabalhada e maravilhosa, uma fusão de Diário de um Vampiro e True blood, Hemlock Grove em si carrega um suspense que pode ser entediante para os mais agitados, porém eu gostei bastante do jeito com que os personagens e a trajetória dos conflitos estavam indo. Mesmo tendo um ritmo mais lento, você consegue perceber que as coisas continuam se encaminhando para um destino que nos deixa curiosos. Nos deixa bem atentos a certo detalhes sem nos exaurir de tanta informação.


Todos os personagens parecem possuir certa ligação uns com os outros e de estarem ligados aos mistérios que acontece na cidade. Todos possuem algo em seu passado que se arrependeriam de lembrar ou que dariam sua vida para esconder. Segredos é uma das melhores formas de saber até onde um ser humano é capaz de ir, protegido dos olhares da sociedade.


Tanto Peter quanto o Rodam são personagens interessantes de serem explorados. Além da beleza dos dois e como formam um shipp bem lindinho, um dos motivos da série ter me cativado foi que o ator que faz o Rodam (Bill Skarsgård) tem um rosto e o olhar maléfico muito semelhante ao de Joseph Morgan , o nosso querido Niklaus de Diários de um vampiro e de The Originals ( R.W.: Tudo se encaixando perfeitamente aqui, todas essas conexões kk). E sem mencionar que Bill é irmão de Alexander Skarsgård, o Eric de True Blood. Rondam é o típico personagem que possuí uma escuridão muito densa dentro de si, mas de alguma forma possuí uma gentileza intrigante com determinadas pessoas.



Já o nosso Peter é pura fofura. Dá vontade de tirar print ou caçar um gif de toda carinha que ele faz. Ainda me surpreendo como conseguem achar atores com cara de cachorrinhos. E isso apenas deixa tudo mais purpurizado e cheio de arco iris. Peter é aquele personagem que sempre tenta seguir seus ideais e no que acredita, e sendo uma pessoa bastante leal (até onde eu assisti), ele também demostra ser alguém solitário e cativante.


Todas as tragédias e mortes são bem feitas. O efeito visual é maravilhoso para os acostumados com sangue. E por gostar de histórias desse gênero, não vejo tantas séries com efeitos tão bons quanto essa. O que a faz ganhar uma estrelinha extra.


Essa é uma série que fãs de seres sobrenaturais ou até mesmo suspense se interessariam. Um ponto positivo, foi como demostraram a transformação de um lobisomem, eu simplesmente amei ("O Lobo na pele de cordeiro", literalmente), como os produtores disseram, eles realmente "reinventam" muitas coisas relacionadas a lobisomens e vampiros. Além de ser uma série divertida, ela possuí muitas coisas com carga do mundo real, e por isso é tão fascinante.


Ficou grande para uma pequena indicação de final de semana, mas saibam que ainda tenho muita coisa a falar a respeito de Hemlock Grove, e mais ainda quando eu termina-la.


Desejo que se divirtam assistindo.

"A verdade está invisível a olhos leigos"

R.W.


Destaques

Posts Recentes

Arquivos

Tags

Siga a gente

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon